População de São Paulo: 19,9% Transtornos de Ansiedade e 11% de Depressão

June 15, 2015

 

 

1- Estudo

Estudo da Faculdade de Medicina da USP e que integra dados internacionais identificou que 19,9% da população sofrem de transtornos de ansiedade. A depressão atinge 2,2 milhões (11%) dos 20 milhões de habitantes da grande São Paulo. “É preocupante. É uma cidade muito estressada, muito violenta. Acreditamos que o nível de violência tenha relação à ansiedade e a depressão”, segundo Wang Yuan Pang, pesquisador do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas de São Paulo e coordenador da pesquisa São Paulo Megacity, que integra um estudo da Organização Mundial da Saúde realizado concomitantemente em vários países. 

 

 

 

O pesquisador afirma que 54% dos entrevistados falam ter vivido ao menos uma experiência traumática (assalto, presenciar morte, tentativa de homicídio ou sofrer estupro). Apenas 1/3 dos 10% de pessoas que são considerados graves (tentativas de suicídio, transtorno bipolar, dependentes químicos) receberam tratamento.

 

 Para efeito comparativo a taxa de depressão em São Paulo 11% supera países na África com índices altos em comparação ao mundo de 4% a 6%. A síndrome do pânico, uma das formas de Transtorno de Ansiedade está na marca de 1,1% (220 mil pessoas) na área metropolitana de São Paulo.


2- Como temos lidado com a Vida?

Estes dados nos levam a rever a maneira como estamos lidando com a vida. A vida tem sido muito banalizada num processo de violência em diversos campos: desde roubos a mão armada, denúncias de corrupção que se sucedem, mídia que enfatiza em novelas a desagregação de valores e uma postura filosófica niilista (sem esperança). Este roteiro cria uma potencialização de vivências estressantes.

3- Depressão e Ansiedade

A depressão e a ansiedade são em grande parte estabelecidas a partir de uma maneira de perceber e interpretar os fatos, além de predisposições hereditárias e acontecimentos concretos que atingem a vida das pessoas.

Depressão está fundamentalmente ligada à desesperança, impotência em transformar a vida e sentimento de abandono. Num contexto de percepção em que a pessoa generaliza para múltiplas situações. A ansiedade liga-se a uma antecipação do futuro, com preocupações constantes e uma visão de que os acontecimentos da vida são ameaçadores e podem ser catastróficos. 

É preciso considerar a Depressão e os Transtornos de Ansiedade (Ansiedade Generalizada, Fobia Social, Fobias Específicas, Transtorno do Pânico, Transtorno Obsessivo Compulsivo, Stress Pós Traumático) como adoecimentos psicológicos e físicos que requerem acompanhamento com psicólogo e em alguns casos médico. 


4- Saúde Mental e Física

Profissionais da área de saúde não podem subdiagnosticar estes transtornos, desconsiderando os sintomas e não realizando uma avaliação mais atenta. Sabemos que estes adoecimentos criam um clima de saúde propício para o surgimento de outros adoecimentos como: Hipertensão Arterial, Diabetes do Tipo 2 , Problemas Respiratórios, Diminuição das Defesas Imunológicas, Gastrites e Úlceras Gástricas…

 

Este clima propício pode ser um fator associado a predisposições genéticas e causas orgânicas que agregados tornam-se impactantes na saúde e bem estar das pessoas. Nestes 35 anos que me dedico para o serviço na área de saúde mental encontro pessoas que experimentam limitações consideráveis em suas vidas afetivas, profissionais e sociais por uma ausência de tratamento adequado. O JORNAL IMPERADOR tem contribuído com muita determinação no esclarecimento e divulgação destes males que atingem a nossa população.



1º Alerta: Ansiedade/ Sintomas:

( )Inquietação, Impaciência,

( )Cansaço,

( )Tensão, 

( )Pensamentos Repetitivos,

( )Perturbação do Sono, 

( )Perda de Atenção e Concentração,

( )Preocupações Exageradas (perder a pessoa querida, ser traído, ser chantageado, fracassar nos estudos, perder o emprego, sofrer humilhação profissional, não ter competência, ficar doente...),

( )Falta de Disponibilidade para Ouvir as Pessoas,

( )Mãos frias, Tremor, Aceleração Cardíaca, Transpiração Excessiva, Boca Seca, 



2º Alerta: Depressão/ Sintomas:

( )Pensamentos e Lembranças Negativas, 

( )Culpa, 

( )Choro,

( )Lentidão de Movimentos

( )Falta de Motivação e Energia,

( )Ansiedade,

( )Perturbação do Sono,

( )Desespero, 

( )Isolamento, 

( )Dificuldade de Concentração, 

( )Não tomar Decisões,

( )Irritabilidade, 

( )Perda do Prazer,

( )Pensamentos de Morte, 

OBS: 

1- Não necessariamente você precisa apresentar todos os itens que compõe os Alertas, para estar em Ansiedade e/ou Depressão.

2- Alguns destes itens podem indicar outros adoecimentos. 

3- Apresentando alguns destes itens e de maneira frequente busque orientação profissional


Alexandre Rivero é Psicólogo, Professor Universitário, Mestrado pela USP e Diretor Clínico do Consultório de Psicologia e Ressignificação Humana.

 

Plantão de Psicologia Gratuito

1ª Consulta Gratuita

Ligue: 2274-8217 ou 2915-0287

Rua Bom Pastor, 1715 - Ipiranga, São Paulo

Please reload

Recent Posts

August 7, 2015

July 17, 2015

July 3, 2015

July 3, 2015

June 15, 2015

Please reload

Archive
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square